Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Poetas alentejanos, mestres dos mestres ...

por Elvético, em 12.12.12
Até o Bocage batia palmas!

Aqui vão décimas do Sr. Máximo, natural de Avis (Alto Alentejo).


JÁ TENHO LICENCIATURA

Já tenho licenciatura
Agora sou um doutor,
Tenho montes de cultura
Vou ser Ministro? E se fôr?...


Inscrevi-me ao fim do dia
Naquela Universidade
Dos diplomas de inverdade
P'ra testar o que sabia.
Já de manhã, mal se via,
De maneira prematura
Eu fiz muito má figura.
Mas mesmo sem saber nada
Formei-me na Tabuada,
Já tenho licenciatura!

Dei cem erros no ditado.
E agora o mais curioso :
Por estar muito nervoso
Á recta chamei quadrado!
Quando me foi perguntado
Se conhecia o Reitor,
Respondi que não senhor
Embora fosse meu tio!
Disse mentiras a fio,
Agora sou um doutor!

Com mesquinhez e com tudo
Puxei das equivalências,
Juntei outras mil valências
Deram-me mais um canudo.
Com diplomas, contudo,
Era fácil a leitura,
Deixei de ser um pendura,
Sou político afamado.
Sou falado em todo o lado,
Tenho montes de cultura

Já sou Mestre em Corrupção,
A todos sei enganar.
Habituei-me a roubar
Tirei curso de ladrão.
E agora, queiram ou não,
Mesmo sem nenhum valor,
Eu falo que é um primor
Na Assembléia sentado.
Para já sou deputado.
Vou ser Ministro? E se fôr ?

Máximo, Avis, 17 de Julho de 2012

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 16:27


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Veríssimo Esquálido a 29.09.2019 às 16:54

Está tudo dito
Melhor que isto não há
...para sinistro
É ser ministro
... licenciado
Já sou

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor